Últimos Posts

Presidente da Câmara rejeita pedido do S.O.S. de 50 mil reais para a realização do Rodeio com entrada franca


O Serviço de Obras Sociais – S.O.S. encaminhou ofício ao presidente da Câmara de Vereadores de Penápolis Carlos Henrique Catalani Rossi (Caíque Rossi) solicitando ajuda financeira para a realização do 2º. SOS PENÁPOLIS RODEO FEST, a fim de garantir a entrada gratuita para toda a comunidade penapolense.

Segue o trecho do pedido:

Usando das atribuições a mim conferidas pelo exercício da Presidência desta entidade filantrópica, solicito à Mesa desta “egrégia” Casa de Leis, ouvido o Colendo Plenário dos demais “Edis”, que do numerário, a titulo de “Duodécimo” a ser devolvido por esse Poder Legislativo ao Poder Executivo local, R$50.000,00 (cinqüenta mil reais), sejam destinados com exclusividade a esta entidade, a fim de contribuir para a realização do 2º. SOS PENÁPOLIS RODEO FEST, a realizar-se nos dias 12. 13, 14, 15 e 16 de novembro do corrente ano, no RECINTO DE EXPOSIÇÕES “PREFEITO JANDIRA TRENCH”, s/nº, sito PARQUE INDUSTRIAL, cuja sua tipologia, discorre de “entretenimento”, com a finalidade de entreter e suscitar o interesse de uma coletividade, proporcionando divertimento, satisfação pessoal e boa disposição, sem almejar qualquer fim lucrativo, às vistas de que o acesso ao aludido evento, dar-se-á mediante a doação de 1.0kg de alimentos não perecíveis, cujo destino, serão às demais entidades de filantropia desta cidade.

Como resposta, o Presidente da Câmara Caíque Rossi afirmou que “não existe a possibilidade legal de vinculação dos valores do duodécimo devolvidos a uma entidade, projeto ou objetivo específico”.

Estranhamente, a mesma Câmara de Vereadores publicou em 2012 uma matéria com o seguinte título: “Economia da Câmara ajuda SOS com R$ 50 mil“.

Vale destacar o seguinte trecho da referida matéria:

O Serviço de Obras Sociais (SOS) de Penápolis receberá R$ 50 mil do poder público municipal para ajudar a contornar suas grandes dificuldades financeiras. O auxílio está sendo viabilizado através da economia do duodécimo da Câmara Municipal. Os recursos já foram devolvidos ontem pelo Legislativo ao Executivo para repasse à entidade. O projeto de autorização da destinação foi aprovado segunda-feira pela  Câmara Municipal. O presidente do Legislativo, Nardão Sacomani (DEM), diz que o atendimento ao SOS teve o apoio de todos os vereadores e do prefeito João Luís dos Santos (PT).

RESTA PORTANTO UMA DÚVIDA MUITO SIMPLES!

EM 2012 EXISTIU POSSIBILIDADE LEGAL E HOJE EM 2014 NÃO HÁ MAIS TAL POSSIBILIDADE?!

Seria interessante que o presidente da Câmara de Vereadores respondesse isso.

Além do mais, se partirmos da premissa de que em 2012 foi feito de forma irregular, o atual presidente já tomou todas as medidas cabíveis contra os vereadores que aprovaram em 2012?

Fonte: Câmara de Vereadores de Penápolis – http://www.camaradepenapolis.com.br/portal/noticias/0/3/1702

 

Publicações Recentes

»

Prefeito Célio concede uso gratuito da incubadora para ex-secretário municipal

O prefeito Célio de Oliveira concedeu, por meio do decreto nº ...

»

Negado provimento ao recurso do prefeito interino Rubens Bertolini relativo a sua nomeação sem concurso

O juiz de Direito Dr. Augusto Bruno Mandelli negou provimento aos ...

»

Apelação do ex-prefeito Célio de Oliveira é rejeitada

No último dia 31/01/2017, o Tribunal de Justiça do Estado de São ...